Receba nossa newsletter por e-mail
Receba as principais informações publicadas no portal.
Assinantes contam com conteúdo exclusivo
 

Gerente de Pasto amplia em cem vezes área de cobertura

Zootecnistas de Maringá levam precisão à gestão de pastagens e nutrição de gado com metodologia e ferramenta online
gerente-de-pasto-amplia-em-cem-vezes-area-de-cobertura-na-pecuaria-portal-futurista

Zootecnista Bruno Iwamoto afirma que ferramenta transforma pastagem em números de produtividade (Foto: Divulgação)

O lançamento de um software de gestão para alimentação pecuária permitiu que uma empresa de Maringá aumentasse em cem vezes o tamanho da área de cobertura em fazendas e crescesse 60% em clientes entre 2019 e 2020. Lançado no fim de 2018, o Gerente de Pasto usa um método de análise mensal que melhora a nutrição, ganho de peso e lotação de animais, além de reduzir a reforma de pastagens e o uso de herbicidas.

Com trabalho em 150 fazendas no Brasil, Paraguai e Bolívia, os sócios e zootecnistas Bruno Shigueo Iwamoto, Josmar Almeida Junior e Edmar Pauliqui Peluso projetam repetir o crescimento em 2021. O aplicativo foi remodelado neste ano para o sistema operacional Android e disponibilizado para o IOS, mas Iwamoto destaca que é preciso aliar a ferramenta com a metodologia e o treinamento dos técnicos, para obter melhores resultados.

A inspiração veio da própria atuação do trio em duas empresas, como consultores. Para administrar melhor a pastagem como um insumo e aumentar a lucratividade do pecuarista, eles dividiam áreas de acordo com o tipo de forração, altura do capim e capacidade de lotação, entre outros dados. “Quando fazíamos no papel, demorava demais. Em uma fazenda com 40 áreas de pastagens, demorava umas quatro horas só para colher as informações. Com o aplicativo é muito mais rápido”, diz Iwamoto.

Com o treinamento dos técnicos, a ferramenta permite a atualização mensal dos dados e a adaptação da estratégia, com cobertura de uma área bem superior aos 300 hectares a que estavam acostumados. “Hoje atendemos fazendas de até 30 mil hectares e vai muito bem. Imagine ter cem áreas de pastagens com 80 lotes? Era impossível mapear tudo, uma de 30 hectares, outra de 50, outra de dez… Cem áreas de pastagens com 80 lotes (de animais) girando nessas áreas. É um quebra-cabeça e o software vem para facilitar o dia a dia”, afirma Iwamoto.

Ele compara os resultados à tecnologia aplicada na colheita de grãos. “Na soja, o agricultor sabe que um talhão tem produtividade mais alta do que o outro, sabe em qual vai precisar interferir mais, porque as informações vêm da colheitadeira, que hoje é cheia de tecnologia. Já o pecuarista não consegue enxergar essa produção, porque quem colhe a pastagem são os animais. Mas, com o Gerente de Pasto, ele consegue enxergar a fazenda em números, quantas unidades de animais em qual área, com que peso entrou, com qual saiu, quando reformar o pasto e se pode aumentar a lotação ou diminuir de acordo com a sazonalidade.”

FUTURO

Porém, o atendimento em campo não parou. Iwamoto diz que o trio, que conta com cinco funcionários e planeja contratar mais dois em curto prazo, não é “vendedor de software”, mas de uma metodologia de trabalho. A capacitação das equipes e o acompanhamento ainda é feito, em boa parte, ao vivo.

Para lançar o Gerente de Pasto, eles contrataram dois programadores e buscaram deixar o uso o mais simplificado possível. Eles também discutem melhorias e já começaram a usar fotos, tiradas de pontos específicos de cada propriedade, para calcular a quantidade de pastagens e adaptar o planejamento do serviço em campo. “Hoje é na alimentação de dados. Em curto prazo, pensamos em ter esse monitoramento remoto mais agressivo. Se tivermos imagem por satélite, é como se fosse à fazenda. E queremos também implantar algo de inteligência artificial, para entender como funciona cada fazenda”, projeta Iwamoto, que apesar de não fechar a porta para oportunidades, completa que buscam se desenvolver somente com o capital que entra em caixa.

LEIA MAIS:

Agritech planeja crescer 30% com solução de armazenagem

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CONFIRA TAMBÉM

Acesse sua conta